Header Ads

NEWS

Dica de Filme


             Galera filme baseado nas historias em hq que traz o mundo do Juiz Dredd, onde a lei são os Juizes  que são o júri e executor são eles mesmo. As historia dredd saõ violentas o filme segue as mesma linha com muita ação com violência, apesar desse filme ser um remake não vejo este filme como um, mas como um reboot , pois neste filme acerta em tudo aonde o filme de 1995 com Stallone errou, começando com uma outra historia mostrado como e a vida de Dredd, usando capacete o filme inteiro, mantendo assim as características enigmática que o personagem tem nas hqs para que assim todos conheçam a verdadeira versão do personagem e não como de 95 em que víamos mais cara do talone. 
Obs: A historia do filme ficou  muito semelhante com Operação invasão onde as cenas de ação são muito  melhores.

Sinopse: Em Dredd, o mundo se transformou bastante depois da guerra nuclear e as cidades hoje são verdadeiros reinos intermináveis de concreto onde os fracos sofrem nas mãos tiranas e violentas das gangues. Nas ruas de Mega City One, um dos últimos oásis da civilização em meio a grande área desértica conhecida como Terra Maldita, Judge Dredd (Karl Urban) é a lei. Ele é o mais temido dos juízes, os únicos com poder de fazer infratores cumprirem a lei e executá-los se necessário. Ele é então designado para acompanhar a recruta Anderson (Olivia Thirlby) em seu primeiro dia de trabalho no combate ao crime e avaliar se ela tem os atributos necessários para ser mais um defensor da lei nesse futuro extremamente violento.

Curiosidades: 
 Refilmagem de 'O Juiz' (Judge Dredd), estrelado por Sylvester Stallone em 1995. A adaptação estrelada por Stallone foi fracasso de público e crítica, arrecadando apenas US$ 34,6 milhões mundialmente, bem menos que o orçamento do filme que foi de US$ 90 milhões.

 A refilmagem passou por grandes problemas. O diretor Peter Travis ('Ponto de Vista') foi dispensado do projeto, o motivo foi diferenças criativas irreconciliáveis. Os produtores entregaram a edição nas mãos do roteirista Alex Garland ('Extermínio').


Nenhum comentário